Rede Abelha

Loading...

Videos Angoleiros

Loading...

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Décima Sexta Roda

Foi boa para mim, só não foi melhor por que eu não podia jogar, pois tinha machucado o dedo na roda anterior. Estava com o dedo enfaixado por te-lo enganchado na boca da calça de um aluno iniciante quando este fez um aú. Parece brincadeira, mas foi exatamente isso que aconteceu. Tanto que ninguém viu. Só nos dias que se “assucederam” é que foram inevitáveis as perguntas, já que estava com o dedo imobilizado. O pior é que este acidente aconteceu 12 dias antes de viajar para a Europa, onde estou neste momento escrevendo esta brochura. Estou em Varsóvia, capital da Polônia. Hoje fez 28 graus e céu azul! Daqui seguirei para Marburg, pequena cidade no coração da Alemanha. Só prá se ter uma idéia desta cidade, tem um restaurante lá que tem 1200 anos tradição. É mole? O meu dedo está se recuperando bem, mas por outro lado tive que ficar sem treinar nos dias que antecederam a viagem. Chato, porque é sempre puxada a maratona de workshops. Amanhã farei workshop com crianças polonesas que participam de um projeto chamado “Universidade para Crianças”. Tenho certeza que será uma experiência reveladora. Brincando brincando, estou acumulando no meu currículo, experiências com crianças e jovens de varias partes do mundo. No Brasil, desde os idos de 1990 em Salvador com crianças do Projeto Axé, da Associação Livre de Moradores da Mangueira(ALMM)e atualmente na Associação de Moradores do Alto da Sereia(AMAS). Em 2000, na Febem do Tatuapé em São Paulo com menores que cometeram “todos" os tipos de delitos. Depois estive com jovens adolescentes infratores privados de sua liberdade nos Estados Unidos, no Estado da Filadelfia em 2006. Depois estive com jovens adolescentes alemães em Marburg, numa escola que atendia alunos expulsos de outras escolas no ano de 2007. Ainda na Alemanha, realizei Oficinas de Bonecos e Contação de histórias em uma livraria em Berlim. Na Itália, fiquei 3 semanas em Milão dando aulas de capoeira em duas escolas, uma particular e outra publica, para crianças filhas de imigrantes. Estive em janeiro de 2010 por uma semana em Moçambique/Maputo, no núcleo do Nzinga coordenado por Gabriel Limaverde, nosso aluno. A maioria do grupo é composta por rapazes adolescentes e algumas jovens. Eu sou eu e as minhas circunstancias!   

Nenhum comentário: