Rede Abelha

Loading...

Videos Angoleiros

Loading...

terça-feira, 22 de junho de 2010

Ie, volta do mundo camara!

Hoje estou em Varsovia sendo recebido pelo Grupo de Capoeira Angola Varsovia, que tem como lider o capoeirista Maciek, auxiliado pelas capoeiristas Ewelina e Agnieska. E' a segunda vez que venho aqui na Polonia.  A primeira vez foi em novembro de 2009, portanto, durante o inverno daqui, que nunca e' ameno. Nunca tinha vindo aqui durante o verao. Essa e' a primeira vez que vejo as arvores daqui com todas as suas folhas. E' outra coisa! As pessoas tambem mudam muito o astral. Estou vendo muitas flores e as pessoas usando camisetinhas de malha na rua. Quando sai de Salvador, os baianos estavam vestidos com suas japonas e casacos, suportando um frio de 21 graus do nosso rigoroso inverno. Chego aqui no hemisferio norte, no verao, e encontro exatamente a nossa temperatura de inverno, 21 graus durante o dia e, e' claro, durante a noite a temperatura cai um pouco mais. Nem sei para quanto... Mas pelo menos, durante o dia, o sol brilha. Na proxima semana, estarei em Marburg, pequena cidade do interior da Alemanha que tem o seu cotidiano girando em torno de uma grande universidade. Dos 80 000 habitantes desta cidade, pelo menos 30 000 sao estudantes. Imaginem que e' a cidade das baladas e dos jovens. So' para termos uma ideia, o governo alemao subvenciona a cerveja vendida nos bares, para permitir que estudantes, teoricamente sem empregos, possam consumir o liquido precioso sem gastar muito. Que beleza! O primeiro mundo tem inclusive dessas coisas! Para falar a verdade, o primeiro mundo tem mesmo muitas coisas legais. Pena e' que as relacoes humanas ficam um pouco escamoteadas. Fico as vezes com a impressao de que a evolucao que o esse primeiro mundo experimenta, leva os seus habitantes a`solidao. A minha teoria e' que os paises da europa onde ainda se pode sentir um certo calor humano, nao sao os paises mais desenvolvidos deste continente. Isso e' teoria viu gente! Nada cientifico, tudo empirico!

Nenhum comentário: